29 de setembro de 2022

Investindo Cosciente

Dicas, novidas e notícias do mundo do investimento!

Intel entra oficialmente no mercado de mineração de criptomoedas

2 min read

A Block, do ex-CEO do Twitter Jack Dorsey, será uma das primeiras empresas a receber chips de mineração da companhia

A Intel anunciou oficialmente nesta sexta-feira (11) a sua entrada no mercado de mineração de criptomoedas. A gigante de semicondutores também revelou que a Argo Blockchain e a Block, de Jack Dorsey, receberão os primeiros chips de mineração ainda este ano.

Em uma postagem publicada no blog da empresa, o vice-presidente sênior e gerente geral da unidade de Sistemas de Computação Acelerada e Gráficos da Intel, Raja M. Koduri, disse que a companhia contribuirá com a tecnologia blockchain com um “roadmap de aceleradores com eficiência energética “.

Koduri falou também que o grupo está “consciente” de que as blockchains consomem muita energia, e é por isso que está se concentrando em “tecnologias de computação com eficiência energética em escala”.

A Intel revelou pela primeira vez que estava trabalhando em um circuito integrado de aplicação específica para mineração (ASIC), apelidado de “Bonanza Mine”, em janeiro. Naquele mês, o produto foi incluído na agenda de uma conferência de semicondutores que irá acontecer no dia 23 de fevereiro.

Um porta-voz da Argo confirmou ao CoinDesk que havia assinado um acordo para comprar os ASICs de mineração da Intel.

A empresa de mineração Griid Infrastructure também celebrou um contrato de fornecimento para os novos produtos. Como parte do acordo, a gigante garantiu que venderá pelo menos 25% de sua produção de circuitos de mineração para a Griid até 2025.

Os ASICs de mineração oferecerão “desempenho 1000x melhor por ‘watt’ do que as GPUs convencionais para mineração baseada em SHA-256 (algoritmo usado na criação de criptomoedas)”, escreveu Koduri.

Cabe lembrar, no entanto, que grandes mineradores profissionais usam principalmente ASICs para mineração de Bitcoin (BTC). Portanto, a comparação com GPUs pode não ser tão significativa para eles.

Os chips são construídos em um “pequeno pedaço de silício” para que não afete o fornecimento de produtos atuais da Intel, observou Koduri.

A Intel também anunciou a criação de grupo especializado dentro de sua unidade de Sistemas de Computação Acelerada e Gráficos. Essa equipe ficará focada na construção de plataformas de silício personalizadas para blockchains e outros tipos de computação.

A Block, liderada pelo fundador do Twitter, está construindo um sistema de mineração de BTC de código aberto com objetivo de tornar a rede mais descentralizada.

A Griid, com sede em Cincinnati, planeja um IPO de US$ 3,3 bilhões na Bolsa de Valores de Nova York por meio da fusão com uma sociedade de aquisição de propósito específico (SPAC, na sigla em inglês), que são companhias criadas apenas para levantar capital.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.